Estão as cortinas de rolo fora de moda? 

As cortinas de rolo conhecidas por todos  há  vários anos, continuam nos dias de hoje a cumprir todas as funções para o qual estão designadas. E, das quais nós, enquanto consumidores gostamos tanto.  

Mas será que continuam na moda? Essa questão pode ser um pouco relativa. Por isto, deixamos ao seu critério, será que as cortinas de rolo estão realmente fora de moda?   

Cortinas de rolo: O que são?   

As cortinas de rolo, que também podem ser designadas por persianas de rolo, têm uma característica muito própria.   

Estas, ao contrário de muitas outras com modelos tradicionais, possuem um mecanismo especial. Este mecanismo faz com que as cortinas sejam abertas de baixo para cima. Desse modo faz com que o tecido que as constitui se vá enrolando até ao cimo da sua estrutura.   

Podemos ainda referir algumas das suas características mais próprias, sendo elas, o material de fabrico (tela solar na grande maioria dos casos) 

Este material, faz com que, seja possível protegermo-nos da luz  solarmas sem nos impossibilitar a vista da paisagem que se esconde por detrás das persianas. Se optarmos por um modelo sem transparência, permite-nos observar a beleza do seu material.   

O mecanismo incorporado nestas cortinas de rolo, faz com que esta opção seja uma excelente escolha devido  à sua facilidade de utilização e versatilidade. Mas, além disso, permite-nos ainda escolher de que tamanho pretendemos ter a cortina.   

Resumidamente, estas cortinas de rolo podem ser caracterizadas pela sua forma prática,  cómoda  e bonita. Mas, nunca esquecendo aquilo que realmente importa,  a sua funcionalidade, que não deixa nada a desejar.  

São muito funcionais, protegem-nos e controlam  a intensidade da luminosidade que entra  em casa, no escritório ou em qualquer lugar.   

Quais os modelos mais usados?   

Como seria de esperar, sabemos que a funcionalidade é muito importante. Mas, se estamos a pensar implementar as cortinas de rolo em casa é fundamental percebermos como  ficará a nossa casa em termos estéticos.   

Por isto,  apresentamos-lhe algumas cores e modelos mais utilizados.  

1 – Branca 

Esta cor é a mais utilizada, pois como sabemos, o branco é uma cor neutra, que acaba por ficar bem em qualquer lado. Por isto se pretender combinar as cortinas com qualquer detalhe de decoração em casa, opte por esta opção.  

Este modelo normalmente é utilizado em cozinhas, casas de banho ou quartos de crianças, pois  transmite leveza.   

2 – Com cores 

Como sabemos as cores transmitem-nos emoções diversas. Se gosta de cor poderá perceber que sem ela, o ambiente poderá tornar-se fraco, sem vida.  

Desta forma, tente ter uma ideia geral do espaço em que pretende implementar a cortina, para que não faça  uma escolha errada.  

Lembre-se sempre que as cores mais neutras são mais fáceis de conjugar. E, caso algum dia decida alterar totalmente a decoração do espaço poderá manter as  cortinas.  

3 – Estampados 

Se o seu objetivo é criar um ambiente mais  específico, com bastante personalidade e arrojado, poderá optar por esta opção.  

Porém, para tal terá de visualizar muito bem todos os outros materiais que vai usar na área em questão para não criar uma “confusão” visual.   

4 – Blackout 

As cortinas blackout são perfeitas se pretende deixar o ambiente escuro. Estas, não permitem a entrada de luz, sendo uma excelente opção para salas. Principalmente na zona da televisão, evitando que haja reflexo na mesma.   

5 – Cortina Dupla 

Este modelo como o próprio nome indica é composto por uma tela dupla, que pode também ser aberta de forma horizontal. Esta cortina permite assim, a entrada de luz no espaço em questão.   

Agora que lhe explicámos tudo o que precisa saber sobre estas cortinas de rolo, as suas vantagens e os diversos modelos e cores possíveis, deixamos ao seu critério a questão relativa às mesmas estarem ou não fora de moda.   

A verdade é que para além de serem bastante práticas e funcionais, pode combiná-las em qualquer ambiente, seja no quarto, cozinha, casa de banho ou sala de estar.  

Esperemos que este artigo lhe tenha sido útil e caso necessite de algum apoio, não hesite em contactar-nos.